Sopa de Pedra | Receitas e Menus

Receba por email as últimas atualizações deste site.

A subscrição é anónima e gera apenas um e-mail por dia.
Insira o seu endereço de email:

Por favor, se você acha que esse conteúdo é útil, compartilhe a(s) nossa(s) receita(s) nas suas redes sociais. Isso ajuda este site a continuar a publicar conteúdo relevante para si e para todas as suas redes de contatos.

Obrigado!

Sopas, Caldos e Cremes

Sopa de Pedra

Partilhe esta receita:
Sending
Classificação:
0 (0 votes)
  • 1  Lt feijão encarnado
  • 1 kg orelha e cabeça de porco
  • 200 g entrecosto
  • 250 g carne de vaca p/guisar
  • 100 g toucinho entremeado
  • 1 chouriço de carne
  • 1 morcela
  • 1 farinheira
  • 1 couve lombarda
  • 400 g batata(s)
  • 2 cenoura(s)
  • 2 cebola(s)
  • 2 dente(s) de alho
  • q.b. sal
  • q.b. hortelã
  • q.b. coentros

sopa-pedra

Prepare de véspera a orelha e cabeça de porco, raspando e limpando, e salgam-se juntamente com o entrecosto.

Coloque também o feijão de molho.

No dia seguinte lavam-se as carnes e os enchidos e põem-se a cozer em água e sal.

Separadamente, põe-se também o feijão a cozer em água.

À medida que forem cozendo, vai-se retirando as carnes sucessivamente, para não se espapaçarem uma vez que a carne de porco coze muito mais depressa que a de vaca, o mesmo acontecendo com a morcela em relação ao chouriço.

Logo que se retirarem todas as carnes, juntam-se cortadas em pedaços, a couve, as cenouras, a cebola, os alhos picados, e algum tempo depois as batatas também em pedaços.

Entretanto, escorre-se o feijão, do qual se retiram duas conchas que se passam no passe-vite.

Quando os legumes estiverem cozidos juntam-se-lhe os feijões inteiros e os passados. Deixa-se ferver tudo para apurar e rectifica-se de sal.

Cortam-se as carnes de porco e de vaca em bocados, os enchidos em rodelas e o toucinho em fatias.

Deitam-se as carnes na panela e, logo que levantar fervura, adicionam-se os enchidos e o toucinho, servindo-se imediamente.

 

Nota: empregando a farinheira deve pôr-se a cozer juntamente com as carnes, tendo em conta que o seu tempo de cozedura é muito rápido. Temperando com coentros, devem deitar-se ao mesmo tempo que os legumes.
Se for o caso de se empregar hortelã, basta juntar um ramo ao mesmo tempo que os enchidos.

E para dar nome a esta rica sopa, põe-se em cada prato uma pedra redonda, tipo seixo rolado do rio, previamente bem lavada.

Deixe um comentário