Receba por email as últimas atualizações deste site.

A subscrição é anónima e gera apenas um e-mail por dia.
Insira o seu endereço de email:

Por favor, se você acha que esse conteúdo é útil, compartilhe a(s) nossa(s) receita(s) nas suas redes sociais. Isso ajuda este site a continuar a publicar conteúdo relevante para si e para todas as suas redes de contatos.

Obrigado!

Gastronomia Alentejana

Sopa de Beldroegas (Alentejo)

Partilhe esta receita:

A Beldroega ( portulaca oleracea ) é uma planta anual, que aparece junto de outras culturas hortículas e que infesta rapidamente o terreno.

As que nascem espontaneamente têm a folha mais miúda e um sabor mais ácido.

As que são cultivadas têm a folha larga e mais clara do que as “bravas”.

Em certas regiões são só utilizadas na alimentação dos animais.

No Alentejo faz-se sopa que pode ser diferente de terra para terra, mas quase sempre é cozinhada em conjunto com o alho, as batatas, os ovos e o queijo.”

Não deixe de experimentar esta sopa deliciosa de tradição alentejana!

 

  • 1 molho grande de beldroegas
  • 1 cebola
  • 1 cabeça de alho
  • 1,5dl de azeite
  • 500 gr de batatas (4 batatas grandes)
  • 2 a 4 ovos
  • 1 colher de sobremesa de colorau
  • 1 folha de louro
  • sal e pimenta para temperar
  • 1 golpe de vinagre
  • 1/2 pão alentejano de véspera
  • 1 queijo seco
  • Água (2 litros)
  • cebolinho para polvilhar (facultativo)

 

Lavam-se bem as beldroegas e arranjam-se de modo a ficarem apenas as folhas.

Corta-se a cebola às rodelas e refoga-se no azeite até alourarem ligeiramente (em lume brando)

Junta-se as beldroegas, a folha de louro e o colorau.

Deixa-se refogar muito bem durante cerca de 5 minutos (em lume médio), mexendo de vez em quando com uma colher de pau.

Junta-se a água e deixa-se levantar fervura.

Entretanto arranjam-se as batatas que deve ser cortadas em rodelas (com cerca de 1cm)

Quando o caldo estiver a ferver, junta-se a cabeça de alho inteira (retira-se apenas a pele branca de cima, a pele roxa deve manter-se).

Juntam-se também as batatas, tempera-se de sal e deixa-se cozer. (cerca de 15 minutos)

No fim, juntam-se os ovos (1 por pessoa) e metade do queijo (que deve ser cortado em cubos) e deixa-se cozinhar mais 5 minutos.

Junta-se um golpe de vinagre (um fio), espera-se mais um minuto e desliga-se o lume.

Fatia-se o pão, coloca-se numa terrina e rega-se com o caldo.

Polvilhe com o cebolinho se assim o desejar.

Sirva de imediato.

Deixe um comentário