Traduzir:

Categorias

Receba por email as últimas atualizações deste site.

A subscrição é anónima e gera apenas um e-mail por dia.
Insira o seu endereço de email:

Por favor, se você acha que esse conteúdo é útil, compartilhe a(s) nossa(s) receita(s) nas suas redes sociais. Isso ajuda este site a continuar a publicar conteúdo relevante para si e para todas as suas redes de contatos.

Obrigado!

Temperos

Massa de Pimentão

Partilhe esta receita:

massa-pimentao

 

Cortar os pimentos em quartos no sentido longitudinal e retirar o pé e todas as sementes dos mesmos. Cozer muito bem em água com uma colher de sopa de sal.

De seguida, escorrer muito bem os pimentos e picar uma pequena parte grosseiramente e a restante numa picadora. Juntar as duas picagens e envolver com mais duas colheres de sopa de sal e uma colher de sopa de vinagre. Mexer muito bem até se obter uma pasta consistente.

Por fim, colocar num frasco de fecho hermético, cobrir a massa com uma fina camada de azeite e guardar. Está pronto.

Sempre que retirar Massa de Pimentão do frasco volte a repor a camada de azeite. Desta forma ficará conservada por aproximadamente um ano.

 

OU

 

massa-pimentao-2

Uma receita banal para muitos mas que não podia deixar de mencionar aqui por ser um “ingrediente base” para muitas das receitas da cozinha tradicional portuguesa.

Seguem-se as duas formas de preparar a massa de pimentão, sendo que a crua é a mais tradicional.

Usa-se:

  • Pimentos vermelhos
  • Sal
  • Azeite

 

Faz-se assim:

Crua:

Lavam-se os pimentos, enxugam-se em panos e cortam-se em tiras retirando as sementes.

Dentro de uma peneira, cesto ou escorredor de plástico, colocam-se camadas de pimento e bastante sal, os pimentos vão deitar liquido que não se aproveita.

Após duas semanas, picam-se no processador de alimentos.

Guarda-se em frascos esterilizados de boca larga, colocando por cima uma fina película de azeite.

Cozida:

Cozem-se os pimentos em água simples, escorrem-se, passam-se pelo passe-vite e misturam-se com peso igual de sal e um pouco de azeite para evitar o bolor.

Guarda-se no frigorifico em boião tapado.

Notas:

  • Escolha pimentos maduros mas de apresentação impecável.
  • Os melhores são os mais doces.
  • È preferível usar vários boiões mais pequenos ao invés de um grande, para prevenir a oxidação, cada vez que é usado repõe-se a camada de azeite se necessário.

Deixe um comentário