Traduzir:

Categorias

Receba por email as últimas atualizações deste site.

A subscrição é anónima e gera apenas um e-mail por dia.
Insira o seu endereço de email:

Por favor, se você acha que esse conteúdo é útil, compartilhe a(s) nossa(s) receita(s) nas suas redes sociais. Isso ajuda este site a continuar a publicar conteúdo relevante para si e para todas as suas redes de contatos.

Obrigado!

Receitas de Natal (Doces)

Filhoses de Abóbora

Partilhe esta receita:

 

  • 1 kg abóbora
  • 1 cálice aguardente
  • 10 g fermento em pó
  • 2 dl sumo de laranja
  • 3 raspa de laranja
  • 400 g farinha
  • 3 ovos
  • q.b. sal

Descasca-se e coze-se a abóbora em água e sal. Escorre-se muito bem e esmaga-se com a mão.

Desfaz-se o fermento no sumo de laranja e junta-se ao puré de abóbora.

Juntam-se também os ovos inteiros, a aguardente e a raspa das cascas das laranjas.

Finalmente, liga-se tudo com a farinha e amassa-se bem.

Tapa-se o alguidar com um pano e embrulha-se num cobertor. Deixa-se ficar a levedar em local temperado.

Depois da massa levedada frita-se às colheradas em azeite quente.

Escorrem-se sobre papel absorvente e envolvem-se em açúcar e canela.

 

OU

 

  • 1500g de abóbora limpa de casca e sementes
  • 3 ovos
  • Raspa de 2 laranjas
  • 100g de açúcar
  • 10g de fermento de padeiro
  • 600g de farinha
  • 2dl de sumo de laranja
  • 50 ml de aguardente
  • Sal q.b.
  • Canela em pó q.b.
  • Açúcar polvilhar
  • Óleo para fritar
 
Massa
Descascar e tirar as sementes à abóbora. Cortar aos bocados, colocar numa panela com água e sal e deixe cozer durante 30 minutos até ficar muito bem cozida.
 
Colocar a abóbora num escorredor com um pano e deixar a escorrer de um dia para o outro (de preferência, para a abóbora ficar sem água).
 
No dia seguinte dissolver o fermento no sumo de laranja.
 
Colocar a abóbora num alguidar e desfazer com a batedeira com as varinhas em espiral. Juntar a raspa de laranja, o sumo de laranja com o fermento, a aguardente, uma pitada de sal, o açúcar, os ovos um a um e a farinha, amassar tudo muito bem.
 
Se a massa estiver muito mole, acrescentar um pouco mais de farinha e envolva.
 
Tapar o alguidar com um pano e deixar repousar em local morno durante 2 horas – dica: aquecer o forno aos 40ºC, desligar, e depois colocar lá o alguidar da massa com a porta entreaberta.
 
A massa deverá ficar com buraquinhos.
 
Fritura
Fritar colheradas de massa em bastante óleo quente.
 
Para testar o óleo fazer uma filhós primeiro, para ter a certeza que está quente o suficiente. A partir daí, com uma colher colocar pequenas “bolinhas” de massa a fritar (utilizar uma colher para tirar a massa do alguidar e outra para ajudar a tirar a massa da colher e cair para o óleo).
 
Quando estiverem douradas, mas não muito, virar.
 
Colocar as filhoses num prato com papel absorvente. Só depois passar pelo açúcar/canela e então dispor no outro tabuleiro.
 
Não sobrepor as filhoses para não ficarem “ensopadas” em óleo.
 
Perderão a maior parte do óleo no primeiro tabuleiro (convém ir trocando o papel absorvente) e depois o restante no outro tabuleiro. 
 
Numa taça, misturar o açúcar com a canela.
 
Polvilhar as filhoses com a mistura e colocar num prato de servir.

Deixe um comentário