Receba por email as últimas atualizações deste site.

A subscrição é anónima e gera apenas um e-mail por dia.
Insira o seu endereço de email:

Por favor, se você acha que esse conteúdo é útil, avalie e compartilhe a(s) receita(s) nas suas redes sociais. Isso ajuda este site a continuar a publicar conteúdo relevante para si e para todas as suas redes de contatos.

Obrigado!

Bolos

Bolo de Bolacha – 4 receitas fáceis

Partilhe esta receita:
Por favor aguarde...

  • 2 emb. bolacha-maria
  • 4 gemas de ovo
  • 125 g manteiga
  • 250 g açúcar
  • 1 caneca café muito forte
  • côco ralado
  • bolocha-maria ralada

 

  1. Bater as gemas, o açúcar e a manteiga muito bem até a mistura ficar cremosa.
  2. Fazer café forte e passe as bolachas, uma a uma pelo café, não muito quente, e deixam-se arrefecer.
  3. Coloca-se uma primeira fiada de bolachas num prato, como por exemplo em forma de flor, e depois barra-se com o creme.
  4. Depois volta-se a colocar outra fiada de bolachas embebidas em café e depois o creme, e assim sucessivamente.
  5. Por fim barra-se o bolo por fora e polvilha-se com o coco ralado e bolacha ralada.

 

OU

 

 bolo-bolacha2

  • 2 pacotes de bolacha maria
  • 3 folhas de gelatina branca
  • 3 colheres de sopa de mistura solúvel para café
  • 2 dl de água
  • 2 colheres de sopa de rum
  • 5 dl de natas
  • 4 colheres de sopa de açucar

 

  1. Coloca-se as folhas de gelatina de molho em água fria. Dissolve-se a mistura solúvel para café na água bem quente e junta-se o rum.
  2. Batem-se as natas com o açucar até ficarem espessas. Escorre-se a gelatina, dissolve-se com uma colher de sopa de água a ferver, junta-se as natas e mistura-se bem.
  3. Espalha-se uma camada fina de natas sobre o fundo de uma forma de mola com 20 cm de diametro.Vai-se mergulhando as bolachas no café e disponha uma camada por cima das natas.
  4. Cobre-se as bolachas com outra camada de natas e depois outra camada de bolachas embebidas no café,desemcontrada da primeira.
  5. Repita as camadas sucessivamente até esgotar as natas e as bolachas, tendo o cuidado de que a ultima camada seja de natas e de reservar algumas bolachas para ralar.
  6. Polvilha-se o bolo com as bolachas raladas e leva-se ao frigorifico pelo menos 4 horas para refrescar.
  7. Se estiver com muita pressa introduza no congelador 1 hora.
  8. Na altura de servir solta-se as paredes laterais do bolo com a ajuda de uma faca, retira-se o aro da forma e coloca-se sobre um prato.

 

OU

 

bolo-bolacha3

  • 1 lata de leite condensado
  • a mesma medida de leite normal
  • 5 ovos
  • bolachas maria q.b.
  • café forte q.b.
  • 1 pacote de natas
  • 1 colher de sopa de açúcar
  • canela q.b.

 

  1. Misture o leite condensado com o leite e as gemas, bata muito bem com a batedeira, e leve a lume brando, mexendo sempre até levantar fervura. Molhe as bolachas no café morno.
  2. Num prato ou travessa coloque camadas alternadas de bolachas, e creme, sendo a última de creme. Bata as natas com o açúcar.
  3. Bata também as claras em castelo. Junte as claras, às natas e misture.
  4. Deite a mistura sobre as camadas de creme e bolacha. Por fim polvilhe com canela a gosto.
  5. Leve ao frigorífico e sirva bem frio.

 

OU

 

bolo-bolacha4

  • 300 g de bolacha Maria
  • 200 g de miolo de amêndoa
  • q.b. de açúcar
  • café solúvel q.b.

Creme:

  • 250 g de manteiga sem sal
  • 200 g de açúcar
  • 3 ovos

 

  1. Bate-se muito bem a manteiga, juntam-se depois o açúcar e as gemas, uma de cada vez, batendo sempre; deita-se por último 1 ou 2 colherzinhas de café.
  2. Põe-se num prato 1 bolacha e mais 6 em volta, primeiramente embebidas em café açúcarado.
  3. Sobre estas, uma camada de creme e assim sucessivamente até acabarem as bolachas.
  4. Estas vão-se molhando no café à medida que forem precisas, para não ensoparem demasiadamente.
  5. Reveste-se totalmente o bolo com o restante creme e cobre-se completamente com as amêndoas cortadas em bocadinhos e torradas no forno.
  • Sugestão: o miolo de amêndoa pode ser substituido por bolacha ralada.
Por favor aguarde...

Deixe um comentário